Diário Positivo

Um hábito em que as palavras transformam a realidade

Muitas vezes usamos a Lei de Murphy – ”tudo o que puder correr mal, corre mal” – para justificar quando não conseguimos atingir os objectivos que desejávamos. Depois, quando as coisas correm bem, atribuímos a uma certa sorte e não damos o valor justo aos acontecimentos positivos na nossa vida. As palavras formam a nossa realidade mais do que pensamos. E se podemos usar as palavras para viver de um modo mais positivo, porque não? É esse o objectivo de termos um diário positivo.

Photo by Aaron Burden at unsplash.com

Photo by Aaron Burden at unsplash.com

Procurar algo de positivo quando quase tudo no dia correu mal parece uma farsa. Mas não é. Um diário positivo é escrever algo de positivo que tenha acontecido no nosso dia, e algo de positivo que amanhã espero vir a acontecer.

Faz sentido ter um diário positivo?

Quando não somos por natureza pessoas positivas podemos sentir alguma dificuldade neste simples exercício, ou mesmo ter dúvidas que possa funcionar e trazer algum optimismo ao nosso dia. A negação do efeito benéfico que um diário positivo pode ter é natural e as dúvidas de que não há tempo para estas coisas, ou que o amanhã possa conter algo de positivo, podem surgir. Todos esses pensamentos fazem parte do processo de aprendizagem associados a um diário positivo.

Mas o esforço de procurar algo de positivo no nosso dia ensina-nos que esses momentos também existem. E quanto mais e melhor nos dermos conta desses momentos positivos, mais sensíveis estamos quando acontecem e a nossa atitude começa, também, por ser um reflexo de uma visão mais positiva da realidade transformada pelas palavras.

Como começar um diário positivo?

Existem várias ideias que podem ajudar a iniciar um diário positivo:

  1. Escrever algo de positivo que aconteceu.
  2. Escrever algo de positivo que prevemos, ou aspiramos que possa vir a acontecer no próximo dia.
  3. Escrever algo que positivo que nos disseram, ou disseram sobre nós.
  4. Escrever algo de positivo que dissemos, ou fizemos aos outros.
  5. Com o tempo, se a escrita começar a ficar longa por incluir mais detalhes e momentos positivos, deixar a tinta ou o carvão fluir.
  6. Se o diário positivo fizer parte das nossas rotinas (mesma hora do dia e lugar), tanto melhor.

O que esperar de um diário positivo?

Embora possamos aprender a escrever melhor através de um hábito como um diário positivo, o mais importante é deixar que as palavras alterem e melhorem o modo como nos encaramos a nós próprios, os outros e a realidade à nossa volta.

Assim, não só a confiança que temos em nós e nos outros pode aumentar, como também o potencial extraordinário nos momentos positivos pode dar-nos verdadeiras experiências transformativas.

Um diário positivo pode aumentar a claridade daquilo que somos e queremos ser, bem como dos objectivos que queremos atingir na nossa vida. Na prática, é um hábito de aprendizagem ao longo da vida que nos projecta num futuro melhor do que qualquer passado. Por outro lado, aprendemos a organizar melhor a vida que queremos viver, seja na saúde como nos relacionamentos, tornando-nos mais produtivos e confiantes.

A minha experiência é que uma simples frase pode tornar um dia difícil num momento de conforto que perdura para sempre.

Professor Universitário e Investigador do Departamento de Engenharia Mecânica da Universidade de Coimbra.